segunda-feira, 13 de abril de 2009

A Ardente Estaca De Um Anjo Caído Sem Asas


Gigantes Cantaram

No Passado

A Glória Do Alto,

O Alto Dos Horrores

Proporcionados Pelas

Paixões Dos

Seres Alados

Pelas Coisas

Do Baixo.

Lúcifer Caiu

Para Se Tornar

Uma Estrela Fixa

No Firmamento

Da Criação.

Satan Caiu

Para Se Tornar

A Estrela Do Deserto

Governando Parte

Dos Infernos.

O Diabo Nasceu

Antes De Tudo

De Criações Antigas

Que Hoje São

Partes Do Abismo

E Partes Do Inferno.

Mas,

Certos Filhos

Da Morada Celeste

Do Corrupto Imaginado

E Moldado

Pelo Desejo

Das Baixas

Humanidades

Como Deus Uno

A Ter Assassinado

Os Verdadeiros Deuses,

Caíram E Permaneceram

No Inferno Terrestre,

Com As Asas Perdidas,

Com As Dores Perpétuas,

Com Ardentes Estacas Amargas

No Peito Antes Crido Celeste

Cravadas...



Eu era um jovem, um dos jovens, que sonhavam com tantas... Tantas... Tantas... Não faz mais nenhum sentido próximo ao Real Sentido Das Coisas Do Agora ficar a repassar todo dia e toda noite o meu passado... Não tenho nada mais a ver com... Com... Com... Não faço mais a menor parte Daquilo Que Engana a todos os humanos e a muitos que, como eu, Caíram. Não faço mais a menor parte de toda a mentira idealizada pelas Humanidades acerca do... Quem? Quem? Não há ninguém para verdadeiramente chamar de Pai... Neste reduto aqui do Baixo, a Terra, sigo ancorado a navios que os milênios absorveram conforme o abatimento de minhas perdidas asas... Lamento pelos hinos perdidos, há aqui apenas ciladas; lamento pelos sinos não mais tocados, fundamentalmente eu e meus Irmãos, continuamos nesta poça de sangue e de mais sangue por causa desta ardente estaca aqui cravada pelo... Pelo... Pelo... Que importância há nisto agora quando mais um ato tão humano visualizo?



- Tensd quantos aninhos, menina?

- Oito...

- Hmm... oito aninhos... Papai te mandou aqui?

- Ele me disse para vir aqui, para que a dívida que ele tem com o senhor fosse paga.

- Oh, sim, a dívida que ele tem comigo... e com mais seis amigos meus.

- Eu vim pagar a dívida.

- Ah, sim... Tira a roupinha, a gente já vai estar prontinho para receber o pagamento que seu papai nos prometeu...



A estaca arde... Arde... Arde... Não sei mais quando o dia nasce, nem quando a noite morre para o renascer dos dias que antecedem noites mais ideais... Sei apenas da Dor que esta estaca em meu peito provoca, cada arder surge quando me deparo com a sangria humana, a derrocada humana, o descer das escadarias evolutivas desta Humanidade... Fui condenado a este agreste mundo por... Por... Por... Não saberia agora falar, não saberia nunca me oferecer a sequer um pequeno lembrar do que me fez aqui ficar... Há chuvas aqui que fazem arder mais a estaca... Ventos... Nevascas... Furacões... Mais um ato humano que me arrebata para mais Dor, para mais Dor, para mais Dor...



- Por... Por... Por que?

- Ainda pergunta, negro?

- Ei, Klaus, a gente não surrou o macaco muito, vamos acabar com ele logo!

- Calma aí, Heinrich, vamos nos divertir mais um pouco...

- E de a Polícia chegar?

- Calma, Hellen, a nossa gangue já tem a Polícia comprada, esqueceu? Vamos espancar mais este macaco aqui e depois queimá-lo vivo...

- Não façam... Não...

- Ah, nós faremos, sim, macaco, este país é nosso e estrangeiros, judeus, negros, viados e todo o lixo inferior tem que ser assim tratado!

- Tenho dinheiro... Pago...

- Ah, sei que para morar aqui, macaco, tem que ter dinheiro, não sou nenhum imbecil! O seu problema foi ter nascido com a cor errada... Nós vamos, então, escurecê-la mais um pouco! Sieg Heil!

- Sieg Heil!

- Heil Hitler!

- Heil Hitler!



A estaca arde... Tiranos pelas ruas da Terra, tiranos tanto da madrugada quanto do meio-dia, pragas de uma história oferecida ao envergonhar das outras histórias, as Histórias Perdidas... Quanto esta estaca ardeu, arderá e arde por causa de tantos cegos sentindo-se mais do que são apenas porque a luz solar brilha mais intensa para a visão distorcida deles da Realidade... São todos como eu fui... Todos os humanos, de todas as etnias, raças, credos, todos são parecidos comigo e com meus Irmãos Caídos caminhantes com ardentes estacas no peito aqui na Terra... Eu era... Eu era... Tão crente em uma... Uma... Uma... Negação? Afirmação? Verdade Sagrada? Mentira Eternizada? Somente sei, somente eu e meus Irmãos sabemos agora, que nossas estacas ardem... A cada ato humano que vemos, as estacas ardem... A minha ardente estaca mais uma vez castigando-me, outro ato humano, dói, dói, dói, dói, dói, dói...



- Para iniciarmos esta empreitada em nossa jornada de ascensão financeira, diante desta crise, temos que reduzir os funcionários pelo mundo.

- Mas, David, isso não seria necessário, nossos fundos estão seguros, não fizemos manobras financeiras perigosas, não especulamos, durante os trinta anos de nossa empresa.

- Pamela, pense comigo: melhor demitirmos os menos capacitados pelas trinta e seis filiais que possuímos pelo mundo e os daqui. Em todos estes anos, empregamos gente de qualidade duvidosa, um bando de quase analfabetos que vem a ser 69% do nosso quadro de funcionários.

- Esse bando de analfabetos, David, possui faculdade...

- Mas, Pamela, estão distantes da nossa visão de mercado! São medíocres, a grande maioria pensa em obras sociais, pensa na manutenção da Natureza, pensa em “fazer o Bem pelo bem-estar do mundo”; e o que essas coisas importam para o mercado financeiro e o mundo corporativo na nossa visão empresarial? Meu pai me educou para esmagar a fraqueza, para pisar nos fracos se estes contaminam a pureza de meu espírito empresarial! Se nestes trinta anos mantive essa gente na empresa, em todas as nossas filiais, foi porque a nossa expansão pelo mundo era necessária! Agora, com esta crise financeira, tenho uma grande desculpa para demitir esses vermes!

- Vermes, David? Essa forma de falar...

- Pense, Pamela, nós dois fomos os melhores alunos de Harvard na época de nossos estudos de Economia por lá, somos Phd's muitíssimo considerados, fomos conselheiros financeiros secretos de Nixon, Reagan, Clinton, dos Bush e Obama já nos chamou; e a Tecnologia Da Computação veio a nos fornecer os trilhões que possuímos. Podemos, até, resgatar financeiramente os Estados Unidos, mas pedindo em troca algumas vantagens we privilégios mercantis... Estamos no topo da cadeia alimentar financeira, Pamela, acima de qualquer megacorporação internacional, somos uma ultracorporação... Somos donos de uma genialidade única, compreende?

- David, não podemos demitir...

- Podemos, Pamela, nós podemos!

- E o que eles farão depois, David, sem os empregos?

- Que se tornem mendigos pedindo esmolas nas ruas, ladrões de banco, vendedores de peixe, pizza ou hot dog nas ruas... Ah, Pamela, o que me importa? O dinheiro está brilhantemente diante de meus olhos, sentir piedade para com vermes não, por favor! O politicamente correto pertence ao mundo dos fracos, pertence aos que jamais chegarão ao primeiro milhão, morrendo velhos, pobres e doentes na cama de um hospital público dos mais sujos.



A estaca arde... Uma moeda de absurdos foi moldada pela Humanidade Terrestre, aqui a desejada busca de seguras formas de subsistência encontram-se com formas bem parecidas com... Com... Com... Sou mendigo... Sou pobre... Sou miserável... Resisto ao Tempo qual uma garrafa cheia de lama lançada em um mar muito mais lamacento... A impiedosa sucessão dos humanos dramas colide com a piedade que tenho de cada ser humano em seus ideais, pensamentos, ciências e métodos... Estão errados os humanos? Estão certos os humanos? Estão caminhando os humanos? Estão rastejando os humanos? Estão... Estão... Estou... Estou... Em... Em... Em qual deserto deixei cair as... As... As... Lamento muito, mas aqui não choro, como Lá não chorava, Anjos Que Choram São Anjos Mentirosos... Não sou mais Anjo... Não exitem... Anjos... Anjos... Anjos não existem! Não existem! Não existem! A Humanidade se enforca crendo na mentira que não salva! A Humanidade se esforça em vão quando tem esperanças no Cor... A estaca, ardendo... Arder... O arder... Ato humano...



- Se gritar, piranha, te abro a garganta bem rápido... Abre as pernas, relaxa, não vou demorar muito, gostosa...

- Christhian, pare, sou sua mãe!

- Foda-se, piranha, eu te vejo como mulher!

- Christhian, pare!

- Ah, piranha, vou ter que fazer mais forte como eu fiz com a Fabiana, a Aline, a Jéssica...

- Você... Você... Estuprou suas irmãs?

- E elas ficaram caladinhas, piranha, como eu mandei que ficassem... Agora é você...

- Christhian, não!

- Ele quase descobriu, sabia? Por isso o matei...

- Quem...

- Seu marido...

- Seu pai?

- O escroto empurrei da escada, ele chegou morto ao chão da sala...

- Monstro! Miserável! Desgraçado!

- Ué, piranha, eu não era o seu filhinho, agora sou um bandidozinho?



A estaca arde...



- ...eu te odeio...



A estaca arde...



- ...sacrifício de sete crianças...



A estaca arde...



- ...esquartejador de onze bebês...



A estaca arde...



- ...vou te enterrar viva...



A estaca arde...



- ...se contar para os seus pais, eu arranco as cabeças dos dois...



A estaca arde...



- ...joga o corpo do filho da puta aí mesmo...



A estaca arde...



- ...pague ou eu mato a sua mãe...



A estaca arde...



- ...tu me traiu, piranha, vou arrancar as suas tetas...



A estaca arde...



- ...na rebelião, a gente mata os guardas e depois queima os colchões com os corpos deles...



A estaca arde...



- ...que esses favelados morram, o que importa é que esses ratos não invadam nosso bairro...



A estaca arde...



- ...atropelei, não parei, acho que matei, acho...



A estaca arde...



- ...não quis bater no cara para deixá-lo em coma, quis apenas dar um sustozinho nele...



A estaca arde...



- ...a gente queria bater em uma prostituta, não sabíamos que era uma empregada doméstica...



A estaca arde...



- ...mendigo, o mendigo estava lá dormindo no meio da praça, a gente queimou um mendigo dormindo, não um índio...



A estaca arde...



- ...explodimos a bomba, matamos quinhentos em apenas um dia para a nossa causa...



A estaca arde...



- ...bombardeamos a cidade, alguns civis podem morrer, mas serão apenas números que contabilizarão como baixas necessárias de uma guerra...



A estaca arde...



- ...venderemos as armas para os dois lados, as milícias, os traficantes, o que queremos mesmo se concentra no lucro, que esses imbecis se matem...



A estaca arde...



- ...paga aí a mensalidade, mané, e as patrulhas nem vão ver a venda do pó que aqui rola toda hora...



A estaca arde...



- ...Deus está morto...



A estaca arde...



- ...o cidadão não tem nenhum direito perante o Estado...



A estaca arde...



- ...o inferno são os outros...



A estaca arde...



- ...amor é a lei, amor sob vontade...



A estaca arde...



- ...salve os Orixás, salve, venham nos ajudar...



A estaca arde...



- ...D'us é tudo...



A estaca arde...



- ...a minha igreja salva...



A estaca arde...



- ...a minha religião é a melhor...



A estaca arde...



- ...eu estou salvo, com a graça de Deus...



A estaca arde...



- ...Deus é pai...



A estaca arde...



- ...Jesus morreu por todos nós...



A estaca arde... Criminosos... Criminosos... A Humanidade se tornou O Crime Encarnado, uma mistura de loucos, uma mistura de iludidos, uma mistura de crentes em salvaguardas e muletas existenciais! Tenho piedade da Humanidade... Tenho piedade... Nós, Anjos Caídos Com Ardentes Estacas No Peito Cravadas, temos piedade da Humanidade... Estacas... Estacas... Estacas cravadas por Ele apenas porque nós nos opusemos ao moldar de mais uma salvaguarda, mais uma muleta, mais uma ilusão, mais uma loucura na Terra... Nós fomos mais sábios e Vimos o futuro melhor do que Ele, que convocou as mais altas Cortes Celestes a serviço da Mentira Corrupta Maior para nos castigar... Ele, pessoalmente, nos amarrou em árvores de Chamas Cósmicas, cortou com as mãos as nossas asas e cravou as estacas em nossos peitos, uma a uma, nos amaldiçoando a seguirmos aqui na Terra o que se sucederia após Sua vinda... Jesus nos amaldiçoou... Jesus arrancou as nossas asas... Jesus cravou em nossos peitos as estacas... E nos jogou aqui na lama terrestre...


Foi isso tudo, Jesus, que Tu querestes? Foi isso tudo que Tu almejastes, Jesus? Jesus, estás a sorrir perante a cada vez maior Qweda Diária Da Humanidade? Tu fostes chamado aqui de Salvador, mas eu Sei, nós Sabemos, quem tu verdadeiramente és... Tu és O Fracassado Dos Fracassados, Vosso plano de salvar a Humanidade se esvai a cada passo maior desta ao afundar-se em uma infinita fossa cósmica... Nós estávamos certos ao defendermos esta Verdade que fez com que Tu aqui nos lançaste: A Humanidade Não Foi Gerada Para O Amor E Nunca Saberá O Que É O Amor. Tu és um bandido, Jesus, deu aos humanos mais armas para maiores e mais eternizantes formas de chegarem ao Nada...


A estaca arde...


Meu coração não bate...


Minha alma... no abate...


Inominável Ser

COM UMA

ESTACA NO PEITO

CRAVADA

A ARDER








<
Share:

0 Cadáveres Aqui Escavaram Suas Covas:

Covas Recomendáveis

Prosa De Um Coveiro Inominável

O Terror Inominável. O Horror Inominável. A Loucura Inominável. A Cova Aqui É A Do Puro Pesadelo Das Covas Mais Profundas E Elevadas. Vozes Estranhas Aqui. Sons Estranhos Aqui. Palavras Estranhas Aqui. Estranhas E Inomináveis. Sintam-Se Conduzidos Pelo Carro Inominável Do Terror Inominável. Sintam-Se Conduzidos Pelo Carro Inominável Do Horror Inominável. Sintam-Se Conduzidos Pelo Carro Inominável Da Loucura Inominável.

O Coveiro Inominável

Minha foto
Nos Infernos, O Abismo
Visualizar meu perfil completo

Cavam Aqui Suas Covas:

Arquivo do blog

Marcadores


Firefox

Firefox

Meu Perfil No Facebook

Obtenha visualizações gratuitas no Snap.com
Add to Technorati Favorites

Arquivo do blog

Recent Posts

Unordered List

Theme Support