sexta-feira, 21 de setembro de 2018

Ciranda Poética Projeto C.O.V.A. - Musas Góticas



Inomináveis Saudações a todos vós, Coveiros e visitantes!

Calíope (Musa da Eloquência, Épica e Ciência), Clio (Musa da História), Erato (Musa da Música e da Lírica Erótica), Euterpe (Musa da Música e da Lírica Popular), Melpómene (Musa do Canto Coral), Polímnia (Musa do Canto Sagrado e da Mímica), Talía (Musa da Alegria), Terpsícore (Musa da Dança) e Urania (Musa da Astrologia): as Nove Musas da Mitologia Grega, filhas de Zeus e Mnemósine. Da Civilização Grega para o mundo, tais Egregoras representam todas as Forças que levaram ao Progresso Humano no campo das Ciências Humanas, Exatas e Tecnológicas. Na Poesia, a ideia da Musa Inspiradora é parte do inconsciente coletivo da plêiade de poetas que desde Homero velam pelo versificar.

A Subcultura Gótica surgiu como movimento em si mesmo nos anos 80 com um conjunto característico de fatores que envolviam Moda, Arte, Literatura, Poesia, Música e Cinema. Toda uma estrutura de elementos se configuraram a partir dos últimos anos do século vinte e hoje são a própria História do Movimento em si. As Gothic Girls são elementos de interesse no conjunto de tais fatores, o Feminino esteticamente moldado pela estética obscuridade. De Siouxie Sioux a Mahafsoun, de Candia Ridley a Sygin, o mito da Musa Gótica se construiu e hoje é inspiração para poetisas e poetas de todo o mundo. Sedução, Sensualidade, Erotismo e Fetichismo acompanham o imaginário da feminilidade que se expressa nesta Subcultura.

Esta Ciranda Poética Musas Góticas é uma homenagem tanto a elas quanto à História do Gótico, ainda tão discriminado pela "Sociedade Tradicional", em suas áreas artísticas. Um Tributo às Musas de tal Subcultura é este Evento do Projeto C.O.V.A.  que nasceu por sugestão do poeta Mariano Goes.

Eu, Giovani Coelho de Souza, aka Inominável Ser, Administrador e Criador do Projeto C.O.V.A. e Lilith Poetisa, Moderadora do Grupo no Facebook, daremos as boas-vindas a todas as poetisas e a todos os poetas interessados em participarem deste Evento, que ocorre desde a meia-noite de quarta-feira, 19 de setembro de 2018, e irá até a meia-noite do dia 28 deste mesmo mês. Sintam-se plenamente livres e escrevam com toda a força de vossas almas!

Saudações Inomináveis a todos vós, Coveiros e visitantes!

Giovani Coelho De Souza
O INOMINÁVEL SER
O COVEIRO
ADMINISTRADOR

IMAGEM: Mahafsoun



Imagem de divulgação por Oanna Selten




Share:

0 Cadáveres Aqui Escavaram Suas Covas:

Meu Perfil No Facebook

Esta Cova No Facebook

Prosa De Um Coveiro Inominável

O Terror Inominável. O Horror Inominável. A Loucura Inominável. A Cova Aqui É A Do Puro Pesadelo Das Covas Mais Profundas E Elevadas. Vozes Estranhas Aqui. Sons Estranhos Aqui. Palavras Estranhas Aqui. Estranhas E Inomináveis. Sintam-Se Conduzidos Pelo Carro Inominável Do Terror Inominável. Sintam-Se Conduzidos Pelo Carro Inominável Do Horror Inominável. Sintam-Se Conduzidos Pelo Carro Inominável Da Loucura Inominável.

O Coveiro Inominável

Minha foto
Nos Infernos, O Abismo
Visualizar meu perfil completo

Cavam Aqui Suas Covas:

Arquivo do blog

Marcadores


Firefox

Firefox
Obtenha visualizações gratuitas no Snap.com
Add to Technorati Favorites

Arquivo do blog

Recent Posts

Unordered List

Theme Support